Flora e Fauna Geral


(André de Meijer, 08/05/2018) Uma especialista curitibana em determinada ordem de insetos, numa entrevista publicado há dois meses na Folha de São Paulo observou: “Em pesquisa, se você começa a divagar, é muito difícil produzir algo bom”. Se eu nunca tivesse “divagado”, seria somente especialista em cogumelos e teria chegado […]

Carta 202. No auge da estação das borboletas



2017/09/20   jardim da Dona Sônia; Rua Arthur de Sá (bairro Graciosa), cidade de Antonina (2017/09/13).     Da porta em que está escrita “vende-se chup-chup” saiu uma adolescente, à quem perguntei: “De quem é este magnífico jardim?”. Com um generoso sorriso ela respondeu: “É da minha avó! Ela se […]

FLORES E FRUTOS NA METADE DO INVERNO




  Na carta “Jardim linda em Antonina e sua jardineira”,(a) descrevi o recanto selvagem da Dona Mariche, naquela época (abril de 2015) o espaço mais encantador da zona urbana de Antonina.(b) Quando, em setembro de 2016, os herdeiros do jardim fizeram uma “limpeza”, as fadas do recanto levantaram voo em […]

CONTO DAS FADAS




3
27/11/2017 Apesar de Curitiba possuir um bom número de bosques e parques, o município está longe de ter área verde protegida o suficiente para satisfazer a sua imensa população: 1,9 milhão de habitantes. Assim, fiquei muito feliz ao saber da existência de um movimento de cidadãos comuns que lutam para […]

BOSQUE BOM RETIRO: AMORES E AMORAS



1
2017/09/20   jardim da Dona Sônia; Rua Arthur de Sá (bairro Graciosa), cidade de Antonina (2017/09/13).     Da porta em que está escrita “vende-se chup-chup” saiu uma adolescente, à quem perguntei: “De quem é este magnífico jardim?”. Com um generoso sorriso ela respondeu: “É da minha avó! Ela se […]

FLORES E FRUTOS NA METADE DO INVERNO



1
2017/08/28 Parque Municipal do Iguaçu, no trecho entre a Avenida Marechal Floriano Peixoto e o Zoológico, Curitiba, em pleno verão (2014/12/20). Leiam nesta carta sobre a minha visita a este local há uma semana. Amoras Nos outonos da minha infância, quando a minha mãe tinha apenas os primeiros dos seus […]

(Re)encontros