Estação das borboletas 1


No ano passado, a Prefeitura de Curitiba tomou a louvável iniciativa de plantar cambará (Lantana camara) na Praça Santos Andrade, bem em frente do Teatro Guaíra. Trata-se de um subarbusto cujas flores são muito atraentes para borboletas e beija-flores. Sempre que visito Curitiba dou uma espiada naquele jardim, situado no coração do bairro Centro. Hoje, 21 demarço, finalmente rendeu: em apenas uma hora de observação (12 a 13 h) vi no local nada menos que dez espécies de borboletas visitando as flores desta planta! Tratou-se de: Urbanus dorantes, U. teleus, Protographium asius, Pyrisitia sp., Leptophobia aripa (curuquerê-da-couve), Danaus erippus (monarca), Eresia lansdorfi, Adelpha sp. (coração), Actinote sp. (borboleta-palha) e Eueides isabella.

Gostaria de lhes convidar para tentar aumentar este número, pois, pelo jeito, o Planalto de Curitiba entrou na estação de borboletas: vi que também o Jardim Botânico está cheio delas. Recomendo que aproveitem enquanto essa festa dura!

Aliás, eu nunca tenho visto um beija-flor na Praça Santos Andrade. Você já viu?


Deixe um comentário

Um pensamento em “Estação das borboletas